15 de junho de 2010

Quem com Serra ferra, por Serra será ferrado



Democrata apoia PT e deflagra crise em SP

Data: 15/06/2010
Veículo: FOLHA DE S. PAULO - SP
Editoria: BRASIL
Assunto principal: POLITICA

DE SÃO PAULO

Líder da bancada do DEM na Câmara da capital paulista, o vereador Carlos Apolinário deflagrou uma crise na cúpula de seu partido em São Paulo ao declarar, ontem, apoio à candidatura do senador Aloizio Mercadante (PT) ao governo do Estado.

O DEM apoia formalmente Geraldo Alckmin (PSDB) na corrida ao Bandeirantes. Por isso, a declaração preocupou o tucanato paulista.

Alegando não ter pedido permissão, mas só comunicado a decisão aos colegas de bancada, Apolinário não poupou o tucano de críticas.

"São Paulo não precisa de um gerente. Precisa de alguém com capacidade de administração e sensibilidade. Basta olhar o governo de Lula para saber como será o governo de Mercadante", disse.

Presidente do partido em São Paulo, o prefeito Gilberto Kassab não quis comentar a declaração. Ele delegou, porém, ao vereador Domingos Dissei (DEM) a missão de enquadrar o correligionário.

Os vereadores estudam a possibilidade de afastá-lo da liderança da bancada.

Em 2008, Kassab e Alckmin disputaram a prefeitura. Por isso, a declaração de voto de Apolinário despertou em tucanos uma desconfiança sobre a fidelidade de Kassab.

(DANIELA LIMA E CATIA SEABRA)

http://www.zemoleza.com.br/noticia/1523382-painel-do-leitor.html

Frase do dia:

"São Paulo não precisa de um gerente. Precisa de alguém com capacidade de administração e sensibilidade. Basta olhar o governo do presidente Lula para saber como será o governo de Mercadante" CARLOS APOLINÁRIO (DEM-SP), líder da bancada do partido na Câmara de São Paulo

______________________________

Ilustração: AIPC - Atrocious International Piracy of Cartoons

.

PressAA

Agência Assaz Atroz

.


1 comentário

La Pasionaria Ibarrure

Quando os ratos começam a abandonar o navio é um claro sinal de que não há mais como salvá-lo.
Grande Serra, vai afundar o PSDB e todos os partidecos aliados a ele.

Isto é muito bom para o Brasil