10 de abril de 2010

Serrinha ternura, é lobo em pele de carneiro


Os portais de notícias destacam em letras garrafais o "slogan" da campanha de Serra a presidente de repúlica.

O PSDB ,e seu candidato, continuam pegando rabeira na fala de de Lula, não poderia ser de outra forma pois Lula tem 80% de aprovação popular.

Lula há algum tempo num de seus discursos disse essa frase:

Agora é "Nós e Eles"

O Serra e seu partido, fazem o contraponto a partir desta frase de Lula.

Só por essa observação já daria para demonstrar como o caráter "pacifista", aparentemente sem conflítos da campanha de Serra está pautado pela ação do governo Lula, ou seja d'eles, o que provaria que há sim nós e eles.

Mas alguém poderia achar que esta é uma questão meramente semântica e que não tem muita importância concretamente.

Vamos então a um exemplo recente e concreto.

Sr. José Serra:

Os professores de São Paulo são nós ou eles?

Se, como o candidato afirma, "nós contra eles" não cabe numa Nação, como é que o governador, agora candidato explica a selvageria com que tratou os professores de São Paulo na recente greve da categoria?

Se ele considera os professores parte do "nós" e os tratou com toda essa "ternura", que Deus nos livre de fazer parte dessa Nação só de "nós" que ele quer implantar se for presidente da república.

Serra mostrou uma maquiada face "pacifista" e sem conflitos ao lançar sua candidatura hoje em Brasilia, mas deixou o rabo de fora.

1 comentário

Júlio Pegna

Como sempre, uma postagem lúcida, dona Avelina!

E acrescento: o que ficou de fora não foi só o rabo do Serra. Foi o traseiro todo, ao posarpara fotos junto do nefasto FHC.

A direita está totalmente desorientada, sem discurso e sem candidato!